Convocação à classe Política - SINMED/AL



Os médicos da rede estadual estão no quarto mês de greve, sem que o governo decida-se a retomar o diálogo e negociar com seriedade um acordo para por fim à paralisação. 


Sofrem os médicos, por que lutam dignamente por uma causa justa, mas não são atendidos; e sofre a população – que depende de um sistema de saúde que normalmente funciona de forma caótica, mas que com a greve deixa de funcionar. 

A falta de sensibilidade, de compromisso e de respeito do governo para com os médicos e a população chegou ao limite do insuportável. Alguma coisa precisa ser feita e abrir processos contra médicos grevistas não é a resposta que se espera para por fim a essa crise. 

O SINMED convoca os representantes do povo no Congresso Nacional, na Assembleia Legislativa e nas Câmaras Municipais a participarem da luta médica. 

Senhores e senhoras deputados, vereadores... Compareçam na segunda-feira 22/04/2013 à Assembleia Geral do Sinmed. Participem das discussões, se posicionem, deem sugestões. Exijam do governo uma solução. 

Já conquistamos o apoio de parlamentares de grande expressão no Senado, que cobraram e cobram do governo o fim desse impasse, mas isso ainda não foi suficiente. A pressão precisa aumentar. 

Alagoas está ficando sem médicos, os profissionais estão indo embora do Estado por causa dos baixos salários e do sucateamento da rede pública de saúde. 

Ninguém vai fazer nada pela população? Todos os médicos terão que ir embora? Como essa história vai terminar?

Comentários