NOVOS CASOS HUMANOS DE INFLUENZA AVIÁRIA H7N9 - CHINA

Autoridades de saúde chinesas intensificaram o monitoramento após a confirmação hoje ,02/abril/2013, de mais 4 casos de infecção pelo vírus de da influenza H7N9 chegando a um total de 7 casos.


Os 4 novos casos de infecção foram reportados na província de Jiangsu, leste da China. Em Shanghai, onde 2 pessoas morreram em decorrência da infecção pelo vírus da influenza H7N9 no início do mês (março/2013), o governo municipal informou que dados sobre casos de pneumonia de causa desconhecida serão reportados através de informes diários.


Os 4 novos casos incluem 3 mulheres e 1 homem, todos de diferentes cidades. Todos os casos se apresentam em estado crítico e receberam tratamento em regime de urgência, de acordo com o escritório da
província de Jiangsu.


Nenhuma das 167 pessoas que tiveram contato com os 4 casos infectados apresentaram quadros febris ou sintomas de febre.


Em relação aos 4 novos casos de infecção pelo virus H7N9, seguem detalhes (Fonte: Shanghai Daily):


- Paciente feminina, 45 anos, procedente de Nanjing. Início dos sintomas gripais em 19/março/2013, transferida para Unidade de Terapia Intensiva de hospital de Nanjing em 27/março/2013; com confirmação da infecção em 02/abril/2013;


- Paciente feminina, 48 anos, da cidade de Sugian. Início dos sintomas gripais em 19/março/2013, hospitalizada sob cuidados intensivos em Nanjing em 30/março/2013; confirmação laboratorial da infecção em 02/abril/2013;


- Paciente feminina, 32 anos, procedente da cidade de Wuxi. Início dos sintomas em 20/março/2013, internada em hospital local em 28/março/201; confirmação laboratorial em 31/março/2013;


- Paciente masculino, 83 anos, procedente da cidade de Suzhou. Início dos sintomas em 20/março/2013, internado em hospital local em 29/março/2013; confirmação laboratorial em 01/abril/2013.


O governo da cidade de Shanghai informou que está destinando recursos financeiros para estruturar uma equipe de especialistas para avaliar os riscos da infecção pelo vírus H7N9 e o potencial de virulência da cepa.


O Centro de Controle e Prevenção de Doença Animal de Shangai realizou testes em amostras de 34 carcaças de porcos mortos. Milhares de porcos mortos foram flutuando encontrados no rio Huangpu esse mês.O rio Huangpu corre através da cidade de Shangai e é a principal fonte de abastecimento de água. O Centro de Controle informou que não foi detectada infecção pelo vírus da influenza em nenhuma das 34 amostras testadas.




Fonte: Medical News Today,02/04/2013, traduzido,
editado-Promed-port

Comentários