SINMED entrega ao MPC documento com as denúncias e pedido oficial de investigação



Durou 2 horas a reunião do Sinmed com o Ministério Público de Contas, ocorrida na tarde de hoje. Os diretores do Sindicato, Wellington Galvão e Edilma Barbosa, foram recebidos pelo Subprocurador-Chefe, Rafael Rodrigues de Alcântara, pelo corregedor do MPC Ênio Andrade Pimenta e pelo procurador Ricardo Schneider. O Procurador-Chefe, Pedro Barbosa Neto, está de férias.

Os procuradores ouviram os relatos dos dirigentes do Sinmed sobre a greve dos médicos e as irregularidades na contratação de cooperativas, organizações sociais e prestadores de serviços. Foram informados sobre o impasse com o governo e a situação vivida nos hospitais da rede pública. Receberam o documento com as denúncias e pedido oficial de investigação.

Eles se mostraram sensíveis à situação dos médicos e quanto aos prejuízos causados aos usuários da rede pública de saúde e pediram que o Sinmed envie todos os documentos com detalhamentos das denúncias, que já foram enviados a outros órgãos e instituições - como relatórios e ofícios do Sinmed para o MPE, MPT, entre outros.

Os procuradores disseram que vão se informar sobre investigações que já estejam sendo conduzidas em outras instituições sobre as denúncias formuladas e que o MPC poderá propor atuação em parceria com o MPT e MPE em investigações que já estejam em curso ou venham a ser iniciadas.

O presidente do Sinmed, Wellington Galvão ficou satisfeito com o resultado da reunião e disse que o envio dos documentos será providenciado com prioridade, para que o MPC comece a agir.

Comentários