Mais de 200 mortes por gripe A em sete países latino-americanos



Mais de duzentas pessoas já morreram este ano e milhares ficaram doentes devido à gripe A na Argentina, Chile, Uruguai, Colômbia, República Dominicana, Venezuela e no Brasil, o país mais afetado, com 174 mortes, de acordo com um registro de dados oficiais e organizações profissionais nesses países.

Funcionários no Uruguai confirmaram hoje o primeiro caso fatal deste ano, enquanto na Argentina, foi relatado 11 mortos e na República Dominicana foram contabilizados oito.

No Brasil, o Ministério da Saúde confirmou hoje que o estado de São Paulo, que é responsável pela maioria dos casos de H1N1 no país, 168 mortes entre janeiro e 5 de junho.

A isso se acrescentam as duas primeiras mortes registradas no sul do estado do Rio Grande do Sul, que faz fronteira com Argentina e Uruguai, e as quatro pessoas mortas na cidade de Uberaba, Minas Gerais, enquanto o estado  de Roraima tem dois suspeitos .

Comentários