EUA emite alerta devido a existência de surto de cólera em Cuba

No final de julho e começo de agosto foram notificados em 3 países: Chile, Itália e Venezuela ,5 casos de cólera em viajantes provenientes do território Cubano .

O Blog está divulgando frequentemente as notícias sobre a área médica e alertando para o risco de introdução e disseminação de doenças em território brasileiro ,dentre elas a cólera . Recentemente publiquei sobre as condições precárias dos imigrantes Haitianos no Acre (fome,diarreia etc), e sobre a possibilidade da chegada de outros agravos em território nacional. 

Semelhante a Alagoas ,a etiologia dos quadros diarreicos que estão ocorrendo em território acriano ,ainda não foi definida..

5 dias atrás ... Amazonas registra primeiro óbito de imigrante haitiano no Brasil · 13 crianças indígenas morrem por diarreia no Acre. Muito se tem discutido, .


 Foi divulgado pela imprensa que no Acre passaram aproximadamente 10.000 imigrantes procedentes do Haiti. Fica a pergunta: para onde eles foram e qual atual condição clínica de saúde de cada Haitiano?





Informações sobre o tipo de monitoramento utilizado pelas secretarias de saúde e sobre planos de contingência para essa e outras questões pontuais relacionadas a vigilância em saúde seriam bem vindas para a segurança de todos.



Os 400 médicos ( de um total inicial de 4.000) que estão com previsão para chegar ao Brasil até o final de agosto,serão distribuídos em 701 municípios, ou seja em áreas diversas, e com adversidades favoráveis a introdução do Vibrio cholerae no meio ambiente. Seria interessante,diante as notícias internacionais, que o governo Brasileiro ficasse atento sobre a possibilidade de surto de cólera .


Espero sinceramente que com o mesmo interesse político que está nutrindo atualmente o  Brasil do PT, que ele não esqueça de realizar o seu dever de casa  com  eficiência baseada em normas internacionais de vigilância em saúde . Que também não esqueça de sempre almejar  o bem de todos e não simplesmente   o conforto de um grupo societário !

Por hoje é só!

Mário Augusto


EUA emite alerta : surto de cólera em Cuba (tradução do Blog do site abc.es )

O departamento de Interesses da América em Havana (SINA) emitiu um alerta aos cidadãos americanos devido a uma suspeita de surto de cólera na ilha, que até agora não foi confirmado pelo governo cubano.

"Esta é uma mensagem para informar os cidadãos americanos que residem ou visitam Cuba que a imprensa tem noticiado casos de cólera na cidade de Havana," a nota publicada no site da SINA na terça-feira, mas conhecido na quarta-feira.







A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) emitiu um alerta epidemiológico que menciona a presença da doença em Cuba ", confirmando que os visitantes estrangeiros contraíram cólera durante as recentes viagens" para o país caribenho.

De acordo com o relatório epidemiológico da OPAS "no final de julho e início de agosto de 2013, foram confirmados cinco casos de cólera associados com histórias de viagens para Cuba" cidadãos da Itália, Chile e Venezuela.

O recente alerta da SINA, entretanto, acrescentou que em Cuba "são fontes comuns de infecção" a ingestão "de água não tratada, alimentos vendidos por ambulantes, pratos de peixe cru (ceviche) e frutos do mar mal cozidos." Até o momento as autoridades cubanas e meios de comunicação oficiais não divulgaram sobre este surto de cólera.

O último relatório do Ministério da Saúde Pública da ilha neste sentido foi emitido em janeiro, após a detecção de um surto de cólera em Havana, com 51 casos confirmados.


A última epidemia de cólera em Cuba ocorreu em 1882 e até o ano passado os últimos casos registrados foram logo após a revolução de 1959. O país caribenho viveu cinco décadas sem casos da doença até agosto de 2012 ,quando a cólera reapareceu, afetando principalmente a parte oriental da ilha causando três mortes e 417 infectados, de acordo com dados oficiais.

Comentários