Gripe H1N2 mata quatro crianças em Palma Soriano (Cuba)

Nos informa Carlos Rios, de Palma Soriano, província de Santiago de Cuba,que há inúmeros casos de crianças doentes com o vírus H1N2, e que esta cepa contagiosa do vírus influenza A, se espalhou para a cidade de Santiago de Cuba e St. Louis.
Cuba, a ilha Prisão.
Faltam máscaras,medicamentos,RX.álcool gel,alimentos e liberdade etc, na ilha da Ditadura dos Castro!

Até agora, as crianças infectadas estão sendo encaminhadas para o hospital em Palma Soriano, em La Colonia, em Santiago de Cuba, e para o Ambrosio Grillo, na cidade de El Cobre.


Tele Turquino e Tele Radio Revolução, as estações locais, estavam dando um comunicado alertando ao público que aqueles que têm dificuldade em respirar, dor nas costas "pulmões" se dirijam para o posto de saúde mais próximo. Não é mencionado o vírus H1N2, mas uma gripe muito forte, e que teriam que tomar precauções.

As autoridades de saúde estão preocupadas, porque o vírus H1N2, está se expandindo rapidamente. E reconheceu a epidemia com a  transmissão de um alerta de saúde na televisão e rádio local. O canal de TV Tele Turquino, que geralmente só  transmite nos finais de semana ,ficou no ar direto com informes sobre a epidemia. Além disso, um caminhão com alto-falantes está pelas ruas de Palma Soriano alertando a população.


 Alicia Fusté Rodriguez, porta-voz UNPACU em Palma Soriano, nos informa que, nos últimos dois meses, quatro crianças morreram em decorrência do vírus. H1N2. Ela acrescenta que na quinta-feira morreu uma criança de um ano. E no sábado ,outra de oito meses .

 Alicia ainda disse que durante a semana, só no hospital em Palma Soriano, havia mais de 80  exames radiológicos do pulmão ,e o que chamou a sua atenção é que fazia meses que os médicos não estavam realizando por falta dos materiais necessários.

Traduzido do Original:
Gripe H1N2 causa la muerte de cuatro niños en Palma Soriano


Comentários