Cerca de "700" casos de cólera em Cuba nos últimos dois anos


Cerca de 700 casos de cólera em Cuba nos últimos dois anos, é o número fornecido por entidades da ilha  a Organização Pan-Americana da Saúde.

Um relatório da OPAS alerta sobre o número total de cólera na ilha no período 2012-2013, que foi de 678, incluindo três pessoas que foram mortas pela doença.

É especificado na declaração de que os casos relatados ocorreram nas províncias de Camaguey, Granma, Guantánamo, Havana e Santiago de Cuba.

O relatório  recomenda que os Estados Membros da OPAS fortaleçam as medidas sanitárias ,além de referir que dos 12 casos confirmados de cólera ,oito foram homens e quatro mulheres, com idades entre 30 e 74 anos, que viajaram para Cuba .Países afetados pelo vibrião colérico de Cuba: Chile, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha e Venezuela, e recentemente cogitam o surto no México como de origem Cubana.

Obs:Cuba continua em segredo,escondendo informações sobre o surto de cólera na ilha. O último boletim da OPAS,mantém os informes anteriores , sem nenhuma atualização!!





Comentários