Nigeriano acusado de exercício ilegal da medicina e de cometer homicídio é apresentado na SSP

 Kingsley Ify Umeilechukwu.
Foi apresentado pela Secretaria de Segurança Pública do Estado o nigeriano de 31 anos de idade preso no hospital municipal de Bacuri, no exercício ilegal da profissão de medicina. A morte de uma criança motivou as denúncias que chegaram até o Conselho Regional. 
http://www.sistemadifusora.com.br/

Comentários