Candidato ao Mais Médicos é preso com 1 tonelada de Cannabis (Maconha)

Édipo André Lotti Chetti de Oliveira tem 25 anos e é paraguaio. Ele contou à polícia que é candidato ao programa Mais Médicos


A Polícia do Distrito Federal apreendeu, neste sábado (20) quase uma tonelada de maconha na BR-060. A droga vinha do Mato Grosso do Sul e seria revendida em Brasília. Segundo a polícia, essa foi a maior apreensão de droga do ano. 

O grupo, que estava sendo investigado há três meses, seria chefiado por Édipo André Lotti Chetti de Oliveira, de 25 anos. Ele é médico recém formado no Paraguai. Ele contou aos policiais que é candidato ao programa Mais Médicos, do Governo Federal. 

Na casa onde ele foi preso, em um bairro de Luziânia, Entorno do DF, foi encontrada uma pistola 9mm de fabricação alemã e uso restrito, além de 200 cartuchos de munição.
http://noticias.r7.com/distrito-federal/medico-e-preso-com-quase-uma-tonelada-de-maconha-21122013

Comentários