Influenza aviária H7N9 - China (Taiwan, ex-Jiangsu), novos casos confirmados‏

No dia 31/dezembro/2013 o Centro de Controle de Doenças de Taipei notificou 1 caso humano confirmado laboratorialmente de infecção pelo vírus da influenza aviária A (H7N9).

Sobre o caso:
- paciente masculino, 86 anos, procedente da província de Jiangsu, que viajou com um grupo de turistas para Taiwan em 17/dezembro/2013. Iniciou sintomas em 19/dezembro/2013, estando internado desde 24/dezembro/2013, em estado crítico (sob ventilação mecânica e oxigenação extra-corpórea) por quadro de pneumonia bilateral e insuficiência respiratória aguda. Com exceção de 2 filhas, os demais turistas retornaram aos locais de residência; nenhum outro membro grupo [incluindo as filhas] apresentou sintomas.

Até o momento não há evidências de transmissão sustentada pessoa-pessoa e a OMS/WHO não recomenda nenhuma triagem especial em pontos de entrada nem restrições de viagem e comércio.

Comentário por Promed-Port:
Fonte: OMS/WHO 07/01/2014,traduzido ; editado
http://www.who.int/csr/don/2014_01_07/en/index.html



A detecção de caso de influenza A H7N9 em turista durante a viagem reforça para a necessidade de que os sistemas de vigilância, em todos os níveis (nacional, estadual e municipal), do mundo todo, estejam sensíveis e estruturados para possibilitar a detecção e a investigação oportunas de casos importados não apenas de


patógenos/doenças "clássicos" como sarampo, malária, cólera..., mas também dos patógenos emergentes como H7N9, MERS-CoV...Chikungunya. Não custa lembrar, mas a Copa do Mundo está logo aí...; no caso do Brasil, logo aqui.

Segundo dados da OMS/WHO (atualizados até 25/outubro/2013), no período entre fevereiro/2013 e 25/outubro/2013 houve 137 casos confirmados de influenza A(H7N9), dentre os quais 45 fatais.

Para ter acesso ao último informe da OMS/WHO disponível com o número e distribuição geográfica dos casos, acesse:

Comentários