Rússia pede aos Países Ocidentais que não interfiram nos assuntos internos da Venezuela


A Federação da Rússia pediu nesta segunda-feira aos países ocidentais que não interfiram nos assuntos internos da Venezuela, e que respeitem a Constituição e o presidente Nicolas Maduro , da Venezuela eleito democraticamente pelo povo.

"A chave é o respeito à Constituição e às autoridades democraticamente eleitas da Venezuela lideradas pelo presidente Nicolas Maduro ", disse o Ministério das Relações Exteriores russo em comunicado.

Moscou considera " inaceitável a intromissão do exterior nos assuntos internos de um Estado soberano . 

"Com preocupação recebemos informações alarmantes vindo da amiga Venezuela . Urge procurar a solução dos problemas através do diálogo pacífico ", diz o comunicado.

A nota oficial pede que renunciem as tentativas estrangeiras para instigar ações anti- governamentais e atos de violência que provoquem à desestabilização da situação no país latino-americano.

Maduras renovou em julho do ano passado , em Moscou , aliança estratégica com a Rússia realizada há mais de uma década pelo líder da Revolução Bolivariana , Hugo Chávez.


Vídeo >>Rússia pede aos Países Ocidentais que não interfiram nos assuntos internos da Venezuela aqui
Tradução do Blog Alagoas Real- Citar fonte
Do Original

Comentários