Alan García denuncia que Venezuela “comprou a liberdade de consciência” na América Latina



O Ex-Presidente peruano Alan Garcia, disse hoje que o Governo da Venezuela "comprou" as consciências de muitos na América Latina para não ser condenada pela OEA por falta de liberdade , e considerou a situação "uma vergonha" para o continente. 

"A Venezuela comprou as mentes de muitos na América Latina com a utilização de empréstimos a países como a Argentina- flertou também com o Brasil para que com o seu dinheiro construísse refinarias e portos que não foram construídos", disse García em uma entrevista ao canal de televisão colombiano NTN24. 

Segundo o ex-presidente, a magnitude da crise na Venezuela mostra que em breve haverá uma "mudança" no país. EFE




Comentários