Escândalo: Panamá acusa Maduro de esconder fortunas em bancos do país

Corrupção no Governo de Nicolas Maduro


O Ministro da Presidência do Panamá, Roberto Henriquez , lançou graves acusações contra o Governo da Venezuela, incluindo a criação de empresas falsas e manutenção de contas com grandes somas de dinheiro no país centro-americano .
Ministro do Panamá Roberto Henriquez


"Com que cara Maduro pode falar de corrupção, quando não é segredo que todos os seus seguidores e seus colaboradores mais próximos , têm usado o centro bancário do Panamá para esconder a fortuna que saquearam do seu país", respondeu o Ministro as acusações de Maduro que vinculava o presidente do Panamá , Ricardo Martinelli , com cobranças de comissões a empresários da Venezuela .


Henriquez também lembrou que o governo de Caracas tem um ano sem honrar dívidas com empresas  da Zona Livre de Colón ( ZLC ) . Em torno das acusações feitas pelo ministro das Relações Exteriores Elias Jaua, que disse que a maior parte do montante da dívida é fraudulenta - reconheceu que houve irregularidades , mas favorecida por membros do governo venezuelano . "Há dívidas de um grupo de empresas que não operam na ZLC , que não existem na ZLC . Há funcionários venezuelanos e empresários ligados ao regime chavista de  Maduro , que criaram empresas fictícias para tirar dólares da Venezuela "afirmou Henriquez , que disse que esta situação não deve ser confundida com as atividades das empresas que têm negócios legítimos .

Traduzido pelo Blog Alagoas real
Se copiar ou criar link,é obrigatório citar a fonte
Por Agências


Comentários