Notícias Sinmed-AL: Contribuição Sindical e Prefeituras de Igaci e Anadia



Entendimento entre médicos e Prefeitura de Igaci

A Prefeitura de Igaci e os médicos que atuam no município chegaram a um entendimento e as remoções de locais de trabalho e outras mudanças que tinham sido feitas foram desfeitas. Problemas relacionados à carga horária de trabalho também foram resolvidos e agora reina a paz entre as partes.

Os médicos se comprometeram a cumprir as metas estabelecias pelo gestor para o PSF, faltando resolver agora a questão salarial. A remuneração dos médicos está muito defasada e a prefeitura busca meios de implantar melhorias. O Sinmed continuará acompanhando o caso.



Anadia revisa salário-base e tenta manter hospital

O Sinmed esteve em Anadia na semana passada para cobrar do prefeito José Augusto Rocha Souza melhorias para os médicos. No município, o salário-base, inferior a R$ 1.000,00, é menor que a gratificação para a categoria, o que o torna inconstitucional. O prefeito foi receptivo ao pleito de reajuste do salário-base e enviou o termo aditivo ao Projeto de Lei do Plano de Carreira dos Médicos, que tramita na Câmara Municipal.

No município, o Sinmed testemunhou o esforço do prefeito para manter em funcionamento o hospital, que realiza pequenos atendimentos, mas que tem capacidade para fazer pequenas cirurgias e partos, mas que não funciona na sua plenitude por falta de recursos. São necessários repasses dos governos estadual e federal para que o hospital continue funcionando, amplie os atendimentos e não corra o risco de fechar, como já aconteceu com dezenas de hospitais municipais alagoanos.

O Sinmed se comprometeu a tentar sensibilizar o governo do Estado e o governo federal, para que repassem recursos à Prefeitura de Anadia para que o hospital continue prestando serviços à população. Atualmente, são realizados no local apenas pronto atendimentos básicos e consultas ambulatórias, além de alguns partos normais.



Contribuição Sindical 

O Sinmed alerta! A não ser que o médico solicite, pelo telefone, o Sinmed não envia os boletos para recolhimento da Contribuição Sindical por e-mail. O Sinmed postou os boletos pelos Correios. Apenas mediante solicitação, as guias para pagamento no banco serão enviadas para o e-mail indicado.

Vários médicos informaram ao Sinmed terem recebido a cobrança via internet e também pelos Correios. O envio da cobrança por e-mail, sem solicitação prévia ao Sinmed, é um golpe que deve ser denunciado.



Embora com data de vencimento para 31/03/2014, os boletos ainda podem ser pagos sem juros. O atraso no envio foi decorrente da greve dos funcionários dos Correios.

Comentários