Cubano suspeito de abusar de gestantes presta depoimento em Luziânia


O médico cubano Luiz Henrique Madruga prestou depoimento na Delegacia da Mulher de LuziâniaElza Fiúza/Agência Brasil

O médico cubano Luiz Henrique Madruga, participante do Programa Mais Médicos, prestou depoimento hoje (21) na Delegacia da Mulher de Luziânia (GO). Ele é suspeito de abusar sexualmente de três gestantes durante consultas de pré-natal. O depoimento do médico começou por volta das 9h30 e durou mais de três horas. Ao final, Madruga deixou a delegacia sem falar com a imprensa.


A delegada responsável pelo caso, Dilamar de Castro, não quis dar detalhes sobre o depoimento do médico. "Estamos investigando. Não posso dizer ou concluir alguma coisa", explicou. Dilamar vai ouvir o secretário de Saúde de Luziânia e algumas técnicas de enfermagem lotadas no posto onde o médico trabalhava. Ontem, a enfermeira-chefe prestou depoimento sobre o caso.

"Existem discrepâncias muito grandes entre o que ele [Madruga] afirma que aconteceu e o que elas [pacientes grávidas] estão alegando", disse a delegada. O Ministério da Saúde informou que o cubano foi afastado preventivamente de suas atividades, mas que o desligamento do programa só será definitivo se as investigações confirmarem conduta inadequada.

http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2014-05/Suspeito%20de%20abusar%20de%20gestantes,%20cubano%20presta%20depoimento%20em%20Luzi%C3%A2nia

Comentários