Sinmed vai ao MPF/AL contra optometristas




A atuação de optometristas que dão “consultas” e “receitam” óculos e lentes de contato está colocando em risco a saúde ocular da população. De acordo com os oftalmologistas, esses técnicos não têm qualificação para diagnosticar doenças oculares e a população corre sérios riscos ao se consultar com eles.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) já se posicionou, ainda em 2011, contra a regulamentação da profissão de optometrista, por entender que o cuidado com os olhos é de competência da Medicina. Mesmo assim, os optometristas têm exercido atribuições incompatíveis com uma formação técnica, que exigem conhecimentos médicos próprios de um profissional graduado em medicina e com especialização em oftalmologia.

O Sinmed já solicitou uma audiência com o MPF/AL para denunciar a atuação irregular desses técnicos, esclarecer sobre os riscos que a população corre e solicitar providências.

Comentários