Vacina contra Influenza : Itália,eventos adversos,óbitos suspeitos,lotes suspensos

vacina
 A Agência de Medicamentos Italiana (Aifa) bloqueou nesta quinta-feira (27) a venda de dois lotes da vacina antigripal Fluad, produzida pela Novartis Vaccines and Diagnostics, após terem sido registrados três casos suspeitos de morte ligada ao uso do remédio.
As vítimas são um homem de 68 anos da Sicília, uma mulher de 87 da mesma região e uma idosa de 79 de Molise, no sul do país. Os falecimentos ocorreram entre os dias 12 e 18 de novembro.
Além disso, um senhor de 92 anos, também de Molise, foi internado em estado grave após tomar a vacina. Os dois sicilianos que morreram apresentaram os mesmos sintomas, como glicemia elevada e tiroidite.
Em um dos casos, o do homem de 68, a morte foi quase imediata. Uma hora depois da administração do medicamento, o idoso sofreu um "evento cardiovascular". As outras duas aconteceram 48 horas após o uso do Fluad, devido a inflamações nos sistemas nervosos das vítimas.
"Enquanto esperamos para ter os elementos necessários, a Agência de Medicamentos Italiana ordenou, como medida exclusivamente de precaução, a proibição do uso dos lotes em questão", diz um comunicado da Aifa. 
Fonte (ANSA)

Comentários