China supera 20 mortes por gripe H7N9

China - H7N9


Pelo menos 21 pessoas morreram na China pela estirpe H7N9 da gripe das aves, uma das mais letais nos meses de dezembro e janeiro, informou o jornal oficial Global Times .


O último falecido era um vendedor de 36 anos que desenvolveu os primeiros sintomas no final de dezembro e morreu depois de viajar da província onde trabalhou (Zhejiang, no leste) até o centro de Henan (centro), onde está localizada a casa de sua família.

Dezenas de pessoas que entraram em contato com ele estão realizando exames.


No total foram detectados nos últimos 90 dias cerca de 160 casos de H7N9, e o Centro de Controle de Prevenção , China Disease advertiu que o número poderia aumentar nos meses mais frios e mais virulento para essa mutação da gripe aviária .

Os primeiros casos de H7N9 foram diagnosticados em março de 2013 na China, com infecções em Taiwan, Malásia e Hong Kong.


Por não ser até agora transmitida entre seres humanos , o número de casos é relativamente baixo (cerca de 800 em todo o mundo nos últimos três anos), mas o alarme e o medo é devido a sua elevada taxa de mortalidade, uma vez que quase metade dos pacientes morreram.
Traduzido e editado pelo Blog Alagoas real
Se copiar ou criar link,é obrigatório citar a fonte
Do original e o blog ALAGOAS REAL
EFE




Comentários