Gripe aviária H5N1 foi detectada em Uganda


Os residentes que vivem nas margens do lago Victoria no distrito de Kalangala estão capturando pássaros emigrantes enfraquecidos e comendo apesar do aviso do ministério da saúde que tais pássaros podem passar a gripe mortal dos pássaros aos seres humanos. 


Os distritos de Kalangala, Wakiso e Masaka registaram mortes maciças de aves migratórias infectadas pelo vírus da gripe aviária altamente patogénica (HPAI) tipo H5N1. 



Alerta. Os produtores de aves estão sob pânico depois que o Ministério da Saúde anunciou um surto de gripe aviária em aves. FOTO DE RACHEL MABALA

É a primeira vez que o vírus da gripe aviária H5N1 foi relatado em aves em Uganda.




O governo de Uganda ativou no domingo seu plano de emergência para o controle de epidemias após confirmar uma das estirpes da doença - um dos três tipos que afetam humanos, animais e aves, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).



Os seres humanos contraem a doença através do contato próximo com aves infectadas ou com objetos contaminados por sua matéria fecal, de acordo com a organização.



Vincent Ssempijja, ministro da Agricultura do Uganda, disse que espécimes de aves de asas brancas morreram em massa nas margens do Lago Victoria, em Lutembe, distrito de Wakiso, "infelizmente o teste foi positivo para a doença que é muito grave; A Influenza Aviária Altamente Patogênica (HPAI) ".
Traduzido e editado pelo Blog Alagoas real
Se copiar ou criar link,é obrigatório citar a fonte
Do original e o blog ALAGOAS REAL
http://www.nation.co.ke/news/Kenya-on-health-alert-Avian-flu-detected-in-Uganda/1056-3519612-gqahhs/
http://www.monitor.co.ug/News/National/Kalangala-locals-eating-suspected-flu-infected-birds/688334-3520906-it4n8h/index.html


Comentários