Persistência do vírus Zika no leite materno após infecção na 36ª semana de gestação


  • Detectamos o vírus Zika no leite materno de uma mulher no Brasil infectada pelo vírus durante a 36ª semana de gestação. 
  • O vírus foi detectado 33 dias após o início dos sinais e sintomas e 9 dias após o parto. 
  • Nenhuma anormalidade foi encontrada durante a avaliação fetal ou após o nascimento do bebê.



O vírus Zika pertence à família Flaviviridae e foi descrito pela primeira vez em 1947. O primeiro surto de infecção com este vírus foi na ilha Yap , Micronésia, em 2007 . O maior surto foi na Polinésia Francesa em 2013 .



Os primeiros casos de infecção no Brasil foram relatados no Estado da Bahia em 2015. O vírus Zika desde então se espalhou para > 14 estados no Brasil. Recentemente, a Organização Mundial da Saúde concluiu que o vírus Zika é uma causa de anormalidades cerebrais congênitas, incluindo a microcefalia; Restrição de crescimento e outros danos, como alterações oftalmológicas, também têm sido observados em neonatos . Relatamos um caso de infecção pelo vírus Zika no Brasil em estágio avançado de gestação e persistência do vírus no leite materno 33 dias após o início dos sinais e sintomas e 9 dias após o parto.

Cronologia e achados clínicos de uma mulher de 28 anos na 36ª semana de gestação que apresentou persistência do vírus Zika no leite materno após infecção no estágio final da gestação e no recém-nascido, Manaus, Brasi



Uma gestante de 28 anos de idade, na 36ª semana de gestação e vivendo em Manaus, Brasil, relatou picadas de mosquito e infestação local por mosquitos Aedes aegypti em seu bairro. Ficou doente e teve febre (temperatura 38 ° C), erupção cutânea ( Figura ), mialgia e dor nas articulações nas mãos e pulsos. A PCR de amostras de sangue mostrou um resultado positivo para o vírus Zika . No quarto dia após o início da doença, seus sintomas clínicos pioraram e ela foi para São Paulo, Brasil, para avaliação clínica.


Editado e Traduzido
Se copiar é obrigatório citar o link do Blog AR NEWS
Fonte:

Continue lendo : Sotelo JR, Sotelo AB, Sotelo FJB, Doi AM, Pinho JRR, de Cassia Oliveira R, et al. Persistence of Zika virus in breast milk after infection in late stage of pregnancy. Emerg Infect Dis. 2017 May  https://wwwnc.cdc.gov/eid/article/23/5/16-1538_article

DOI: 10.3201/eid2305.161538

Comentários