RS tem quatro casos suspeitos de Febre Amarela

Mapa do Rio Grande do Sul


A Secretaria da Saúde do Estado investiga quatro casos suspeitos de Febre Amarela divulgados pelo Ministério da Saúde na última quinta-feira (23).



 Conforme a Chefe da Divisão de Vigilância Epidemiológica do RS, Marilina Bercini, os casos estão sendo monitorados e os pacientes serão submetidos a uma bateria de exames que vai confirmar ou não a enfermidade. Nove municípios gaúchos foram notificados, com o registro de 11 pacientes. Destes, sete já tiveram a situação descartada.

Para a Marilina, os quatro pacientes que ainda estão sob suspeita podem ter sido infectados ao viajar para outros estados. Contudo, ela acredita que os registros não sejam de Febre Amarela:

“Nós não temos óbitos de macacos infectados. Não há casos de Febre Amarela em Macacos. Normalmente, haveria essa situação no Rio Grande do Sul se ela fosse secundária a morte de macacos, e não temos essa situação”.


Os municípios de residência dos pacientes que estão sob suspeita ainda não foram informados pela Secretaria.



O alerta, emitido pelo Centro de Vigilância em Saúde do Rio Grande do Sul em janeiro deste ano, segue em vigor. Mesmo com quatro casos suspeitos de Febre Amarela em monitoramento no Estado, a Secretaria de Saúde não alterou o protocolo do início do ano.


Isso porque, desde 2009, não há casos confirmados da doença em solo gaúcho.


O alerta orienta os municípios para a atualização vacinal da população, como também a imunização de pessoas que irão viajar para regiões silvestres, rurais ou de mata dentro de áreas com recomendação de vacinação ou com circulação do vírus.

História Fonte
Bruno Teixeira
bruno.teixeira@rdgaucha.com.br
http://gaucha.clicrbs.com.br/rs/noticia-aberta/rio-grande-do-sul-tem-quatro-casos-suspeitos-de-febre-amarela-191603.html

Comentários