3/27/2017

Uso de L-asparaginase na leucemia linfoblástica aguda

L-asparaginase na leucemia linfoblástica aguda


A L-asparaginase é uma hidrolase que catalisa a conversão de L-asparagina - um aminoácido endógeno necessário para a função de algumas células neoplásicas, tais como linfoblastos. Na maioria das células humanas, a deficiência de L-asparagina pode ser compensada por via de síntese alternativa através da qual a L-asparagina é produzida a partir de ácido aspártico e glutamina por asparagina sintetase. A depleção de L-asparagina a partir do plasma por L-asparaginase resulta na inibição da síntese de ARN e ADN com a subsequente apoptose de células blásticas.


Devido ao exclusivo mecanismo de ação anticanceroso, a L-asparaginase foi introduzida na quimioterapia multi-fármaco em crianças e adultos com leucemia linfoblástica aguda, o que contribuiu para uma melhoria significativa dos resultados terapêuticos e para alcançar remissão completa em cerca de 90% dos casos em pacientes.


Apesar da sua elevada eficácia terapêutica, a L-asparaginase pode aumentar o risco de trombose. A inibição da síntese proteica causa a maioria das complicações observadas durante o tratamento com uma forma nativa e peguilada de L-asparaginase, incluindo as funções prejudicadas do fígado, dos rins ou do sistema nervoso central. 


Os eventos trombóticos ocorrem como resultado da síntese inibida de proteínas anticoagulantes (principalmente antitrombina). A coagulopatia foi observada em 1,1-4% dos doentes tratados com L-asparaginase peguilada e em 2,1-15% dos que receberam a sua forma nativa. Neste trabalho foram discutidas abordagens para otimizar a terapia com L-asparaginase. 



Editado e Traduzido
Se copiar é obrigatório citar a fonte
Do original e o link do blog ALAGOAS REAL


História Fonte:

Use of L‑asparaginase in acute lymphoblastic leukemia: recommendations of the Polish Adult Leukemia GroupBeataPiątkowska‑Jakubas MałgorzataKrawczyk‑Kuliś SebastianGiebel MariaAdamczyk‑Cioch AnnaCzyż EwaLech‑Marańda MonikaPaluszewska GrażynaPałynyczko JarosławPiszcz JerzyHołowiecki Pol Arch Med Wewn 2008 118 11 664 669 tabs-grup

Foto : http://www.d.umn.edu

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Faça seu comentário