segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Mais Médicos sem Revalida = Uma receita populista e outra letal !




O Presidente do CFM realizou um pacto com o Governo Federal em 08 de outubro de 2013,no dia da votação na Câmara dos Deputados,aceitando que o Revalida somente seja realizado após os profissionais atuarem por três anos no programa Mais Médicos ,o que é ao meu ver um absurdo. Em outras palavras , os médicos vão atuar na medicina do Brasil, sem nenhuma garantia para os usuários e para o próprio Conselho ,e nesse período não existiria nenhuma possibilidade de avaliação da real capacidade técnica para o exercício do mister em solo pátrio!



O Revalida


O Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida) é um exame realizado anualmente para validar diplomas médicos expedidos por universidades de fora do Brasil.

O Exame Nacional de Revalidação de Diplomas (Revalida) é uma prova criada pelos ministérios da Educação e da Saúde para simplificar o processo de reconhecimento de diplomas de medicina emitidos por instituições de ensino estrangeiras. Para atuar como médico no Brasil, o estudante formado no exterior precisa fazer o reconhecimento do seu diploma para só depois solicitar ao conselho regional de medicina a autorização para trabalhar.
É uma prova realizada anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e aplicada em 37 universidades públicas.

O exame é constituído por três provas:

Prova objetiva: Contém 110 questões, cada questão valendo 1 ponto (nota máxima: 110 pontos).
Prova discursiva: Contém cinco questões, cada questão valendo 10 pontos (nota máxima: 50 pontos).
Prova prática

Para passar para a prática, o candidato precisar somar, no mínimo, 92 pontos na soma das notas da objetiva com a discursiva.
Nas quatro edições já realizadas do exame, a taxa de aprovação nunca passou dos 10%.

O programa Mais Médicos, aprovado nesta semana na Câmara dos Deputados, prevê que profissionais estrangeiros possam atuar no país sem a revalidação do diploma, caso as vagas oferecidas a médicos brasileiros não sejam preenchidas.

A Receita Letal

Está circulando na internet a notícia que um Médico do Programa do Governo Federal Mais Médicos teria prescrito para um paciente o antibiótico Azitromicina de 500mg de 8/8h ,possivelmente por 8 dias . Veja no Link


Fontes:

Nenhum comentário :

Marcadores