Cuba invade com agentes médicos


Terceira brigada Cubana partindo para fincar sua bandeira no Brasil



Javier Bedoya disse que a decisão de contratar médicos cubanos mostra a verdadeira intenção de Cuba para alinhar os países da América do Sul em seu modelo político. O deputado disse que os médicos que vêm para o Peru são realmente agentes que trabalham para o Estado cubano. A entrevista completa no site Olha Quem Está Falando.




O congressista JavierBedoya Vivanco disse que a decisão de contratar médicos cubanos demonstra não só um desprezo pelos médicos peruanos e sua medicina , mas a intenção de Cuba para alinhar os países da América do Sul em seu modelo político.

Em sua apresentação a noite no programa "Olha Quem Está Falando " em Willax Television , disse que os doutores que viriam para o Peru são realmente agentes que trabalham para o estado cubano .


"Isso é inaceitável, a forma que eles querem iniciar abertamente uma penetração no Peru , quando anteriormente já haviam tentado com las Casa de Alba, onde os médicos não eram cubanos e sim venezuelanos . Sob o pretexto de tratar os peruanos que sofriam de catarata , houve uma penetração que foi fortemente combatida , em seguida, tiveram que desativar esse programa , onde o porta-voz do governo nessa tarefa era o atual presidente do Congresso " , disse ele.

Ele acrescentou: " Então, nós temos que ser lúcidos para informar aos peruanos que não é colaboração e ajuda e que tomem conhecimento que eles estão começando abertamente é uma penetração ao típico estilo cubano " 

Ele disse que é  prejudicial aos médicos peruanos e a medicina que estejam dizendo que não sabem tratar os diabéticos e que só os cubanos são capazes  porque dizem que são especialistas na cura dos pés ulcerosos que alguns desses pacientes têm .


"Estamos evidenciando a penetração contínua de Cuba e o alinhamento de muitos países por trás da abordagem cubana , expressa tão claramente através da Venezuela. Assim começou a ajuda cubana nesse país, e foi dessa maneira que os cubanos pagavam o apoio que recebiam em petróleo - não só com a medicina , mas também com a criação de grupos de bairro que são os policiais civis do Estado para perseguir adversários políticos  ", denunciou.

Do original: 
Lima, 26 de abril de 2013
Deputado Peruano Javier Bedoya 



Más información en Willax.tv






.



Fonte:Youtube

Comentários