Médicos cubanos opinam: São escravos,ou não?

Uma boa parte dos médicos entrevistados em Cuba acreditam que são privilegiados por receber os benefícios de uma missão estrangeira, mesmo que não paguem corretamente o seu salário. E nesse ponto todos concordam, que mesmo não recebendo o dinheiro corretamente , lucram porque conseguem sair da ilha, são alimentados e trazem para casa  objetos domésticos e itens que nunca viram em Cuba ou é muito difícil de adquirir, como roupas, sapatos e até mesmo um computador.

Esses benefícios é o principal motivo que faz com que se exponham  em regiões remotas durante as missões, coisas que nunca fariam em Cuba, onde a maioria dos consultórios médicos no campo  foram abandonados.

Os médicos cubanos realmente são mão de obra extremamente barata , com um dos níveis mais baixos  de padrões de vida do mundo e que faz com se contentem com muito pouco.

Também recebem uma grande pressão para retornar a Cuba,onde deixam as suas famílias



Médicos cubanos opinan: Son esclavos, ¿o no?
Yosvani Anzardo Hernández
15 de noviembre de 2013


Comentários