Sorocaba tem 31 casos de coqueluche com três mortes


Em 2013 foram notificados 161, com 50 confirmações e dois óbitos


Trinta e um casos de coqueluche, doença conhecida como tosse comprida, foram confirmados em Sorocaba até 30 de maio deste ano, com o registro de três óbitos. O coeficiente de incidência por 100 mil habitantes, até agora, está em 4,93 e a taxa de letalidade é de 9,6. Os números têm preocupado a Secretaria de Saúde (SES). Durante todo o ano de 2013 foram notificados 161 suspeitos de coqueluche na cidade, com 50 confirmações e dois óbitos. O coeficiente de incidência por 100 mil habitantes foi de 7,95 e a taxa de letalidade foi de 4,0. Os dois índices foram maiores comparando-se com os de todo o Estado de São Paulo no ano passado. 

Sorocaba tem 31 casos de coqueluche com três mortes

Comentários