Médicos de São Luiz querem reajuste


A Prefeitura de São Luiz do Quitunde acenou com reajuste salarial de 70% para todos os servidores não médicos das equipes do PSF. Com salários defasados, os médicos do programa reclamam do tratamento discriminatório e cobram reajuste no mesmo percentual que for concedido aos demais.



O Sinmed tenta uma audiência com os gestores de São Luiz para discutir o assunto e reclamar tratamento igual para a classe médica. No entendimento da entidade, o reajuste dado a uma categoria deve ser estendido às demais, na mesma proporção.

Comentários