3/19/2017

Teste de sangue para o autismo: Biomarcadores

Resumo: Os cientistas desenvolveram um novo método, altamente preciso, que analisa biomarcadores metabólicos para avaliar se uma criança está no espectro autista.




A desordem do espectro do autismo afeta aproximadamente 1.5 por cento de todas as crianças



A desordem do espectro do autismo afeta aproximadamente 1.5 por cento de todas as crianças, mas sua causa exata permanece desconhecida, e o diagnóstico exige avaliação de uma equipe multidisciplinar . Pesquisas anteriores revelaram certas diferenças nos processos metabólicos entre crianças no espectro do autismo e crianças neurotípicas. No entanto, os pesquisadores têm lutado para traduzir essas diferenças em novas ferramentas de diagnóstico.


No novo estudo, Juergen Hahn e Daniel Howsmon do Rensselaer Polytechnic Institute, em Nova York, e colegas apresentam um método para identificar uma criança no espectro autista com base em concentrações de substâncias específicas encontradas em uma amostra de sangue. Essas substâncias são produzidas por processos metabólicos conhecidos do metabolismo do carbono (FOCM) dependente de folato e as vias de transulfuração (TS), ambas alteradas em crianças com autismo.

Os cientistas usaram dados de amostras de sangue, coletados no Arkansas Children's Hospital, de 83 crianças com autismo e 76 crianças neurotípicas, todas com idades entre 3 e 10 anos. Com a ajuda de ferramentas avançadas de modelagem e análise estatística, os dados metabólicos permitiram aos pesquisadores classificar corretamente 97,6% das crianças com autismo e 96,1% das crianças neurotípicas.

"O método apresentado neste trabalho é o único de seu tipo que pode classificar um indivíduo como sendo no espectro do autismo ou como sendo neurotípico", diz o autor do estudo Juergen Hahn. "Não conhecemos qualquer outro método, usando qualquer tipo de biomarcador que possa fazer isso, muito menos com o grau de precisão que vemos em nosso trabalho."


Hahn diz que mais pesquisas são necessárias para confirmar as descobertas. 



Traduzido e Editado
Se copiar é obrigatório citar o link do Blog AR NEWS
História Fonte:


Materiais fornecidos por PLOS .

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Faça seu comentário