Epizootias em Investigação para Febre Amarela em Alagoas,Sergipe,Pernambuco,Paraíba e RN

 Epizootias de Primatas Não Humanos

 Até 20 de abril de 2017, foram notificadas ao Ministério da Saúde 3245 epizootias em Primatas Não Humanos (PNH), das quais 1277 permanecem em investigação, 88 foram descartadas e 474 foram confirmadas para febre amarela por critério laboratorial ou vínculo epidemiológico com epizootias em PNH ou casos humanos confirmados em áreas afetadas (municípios com evidência de circulação viral) e ampliadas (municípios limítrofes àqueles afetados), com envolvimento de 4839 animais. 

Não estão incluídas no mapa as epizootias consideradas indeterminadas (Figura 4). 



Figura 4 - Distribuição geográfica das epizootias em primatas não humanos suspeitas de febre amarela notificadas à SVS/MS até 20 de abril de 2017, com data de ocorrência a partir de 01 dezembro de 2016, por município do Local Provável de Infecção (LPI) e classificação. 

Confira no Mapa a marcação em azul nos Estados que têm Epizootias em investigação para a Febre Amarela. Em vermelho , as epizootias confirmadas


Áreas da Região Nordeste - Epizootias em Investigação para Febre Amarela em Alagoas.Sergipe.Pernambuco,Paraíba e Rio Grande do Norte


 Epizootias de Primatas Não Humanos  


 Editado 
Se copiar ou criar link,é obrigatório citar a fonte
Do original e o blog ALAGOAS REAL



Fonte: COES – Febre Amarela CENTRO DE OPERAÇÕES DE EMERGÊNCIAS EM SAÚDE PÚBLICA SOBRE FEBRE AMARELA em 20 de abril de 2017

Epizootias em Investigação para Febre Amarela em Alagoas.Sergipe.Pernambuco,Paraíba e RN Rating: 2 out of 5

Comentários