Portugal: Sarampo como risco ocupacional para profissionais de saúde


ECDC SARAMPO
ECDC SARAMPO
Por mais embaraçoso que isso possa ser para o sistema de saúde português,esse surto serve de lição para outros países ,da extrema importância da vacinação contra o sarampo não só na população, mas especialmente naqueles que assistem os doentes ( profissionais de saúde)

Entre os casos confirmados, 61 (87%) são profissionais de saúde.


Sarampo-Portugal:Última atualização 28 de março de 2018


Desde 9 de março de 2018, Portugal tem experimentado um surto de sarampo na região norte do país. A maioria dos casos estão relacionados com o Hospital Santo Antônio no Porto. 

Entre os casos confirmados, a maioria é de profissionais de saúde. 

Em resposta ao surto, as autoridades portuguesas iniciaram a descoberta de casos e o rastreio de contatos, e iniciou uma campanha de vacinação e conscientização entre pacientes e profissionais de saúde.

Sarampo 

Entre os casos confirmados, 61 (87%) são profissionais de saúde, a maioria dos quais no Hospital Santo Antonio no Porto, Portugal.

Dos 78 casos confirmados:

65 se recuperaram

13 estão doentes

Todos são adultos

43 (55%) mulheres

11 (14%) não vacinados

6 (8%) parcialmente vacinados

2 (3%) atualmente hospitalizados

187 casos negativos

29 casos sob investigação

FONTE:
Editado pelo Blog AR NEWS
ECDC

Comentários

Recentes