HGE de Alagoas : o paciente jamais pode sair pior do que entrou, diz SINMED


Baixa no HGE - Hospital Geral do Estado Prof. Osvaldo Brandão Vilela





Como se não bastassem as limitações nos postos de saúde, agora as queixas também são extensivas ao HGE. 


O Sinmed tem escutado graves desabafos dos médicos, principalmente plantonistas, sobre a falta de medicamentos que jamais poderiam faltar numa unidade do porte. Há dias não tem sequer tramal e também estão em falta diversos antibióticos, entre outros medicamentos de alta demanda. Assim não dá para manter as portas abertas, afinal, não basta ter o médico. É imprescindível dispor de toda a estrutura para viabilizar o serviço. O paciente chega numa emergência querendo alívio para sua dor, e jamais pode sair pior do que entrou.


ATUALIZAÇÃO 30 DE JUNHO DE 2017



Comentários