Mialgia aguda a esclarecer em Salvador - Atualização Boletim CIEVS


Foram no ficados 54 casos suspeitos, incluindo casos oriundos de busca retrospectiva

Boletim CIEVS_MIALGIA AGUDA 18 JAN 2017

Desde 14 de dezembro de 2016, casos de mialgia aguda foram no ficados em Salvador. Desde então, investi gações hospitalares e domiciliares têm sido realizadas pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde de Salvador (CIEVS Salvador e Distrito Sanitário Barra/Vermelho). 

Até 15 de janeiro de 2017, foram no ficados 54 casos suspeitos, incluindo casos oriundos de busca retrospectiva (N=9). Quanto a evolução, 53 (98%) evoluíram para cura e 01 caso foi a óbito.





Veja também:Vírus causador da doença misteriosa (idiopática) deve ser o Parechovírus Doença de Haff : síndrome que consiste de rabdomiólise não explicada
Diagnóstico diferencial :Dengue, influenza, vírus da febre do Nilo, Febre Amarela, Febre Maculosa, hantavirose, hepatites, Malária, Meningite, Peste, Vírus Sincicial, Adenovírus,Febre Tifóide,Doença de Haff ,Zika, Vírus Mayaro, Chikungunya,Parechovírus Humano e outras mais!




 Dos casos no ficados, observa-se um predominância do sexo feminino (33; 61%) e a mediana de idade corresponde a 42 anos (8-76 anos). 


Quanto a situação laboratorial e possível exposição, observa-se que dos 54 casos no ficados, 28 (51%) possuem resultado laboratorial, dos quais, 26 (98%) apresentaram os resultados de crea nofosfoquinase (CPK) elevados. Dos 26 casos que apresentaram elevação do CPK, 22 (84%) relatam consumo de peixe até 24 horas antes do início dos sintomas. 

Se copiar ou criar link,é obrigatório citar a fonte
Do original e o blog ALAGOAS REAL

http://www.cievs.saude.salvador.ba.gov.br/uploads/1413/

Mialgia aguda a esclarecer em Salvador - Atualização Boletim CIEVS

Mário Augusto

5 of 5
Mialgia Idiopática:Foram notificados 54 casos suspeitos, incluindo casos oriundos de busca retrospectiva

Comentários