Sobre as mortes de Saguis em Maceió e Inhapi - Epizootia por Febre Amarela ?!

Maceió- Alagoas


Maceió

Em 28 de março a Secretaria de Estado e Saúde de Alagoas, liberou uma nota técnica confirmando a morte de um primata não humano em Alagoas por Febre Amarela. Veja a postagem : SESAU , Maceió - AL : Nota técnica sobre morte de primata não humano ( macaco) por Febre Amarela .



Após três dia da primeira nota, a SESAU em novo comunicado, revela que outros exames foram realizados e os mesmos deram negativos para a doença em questão.



Inhapi

A época dos eventos em Maceió foi noticiado na mídia a morte de saguis no município de Inhapi, no sertão Alagoano,distante 271 Km  da capital do estado. 

Inhapi



O coordenador de Endemias da cidade de Inhapi, Acildo Gama, através de um vídeo postado no youtube em 30 de março de 2017 ,informava que um morador da zona rural do município tinha procurado o serviço, no dia 17 de março, para comunicar que quatro saguis foram encontrados mortos em sua propriedade.


“O pessoal da Saúde se deslocou até a residência do morador da zona rural e lá foi verificado que a morte dos saguis tinham ocorrido há mais ou menos 60 dias, e isso portanto deixou o caso inviável para uma investigação mais profunda. Diante disso, foi emitido um alerta para os agentes de saúde para que ficassem atentos ao surgimento de novos casos”, disse Acildo Gama.


Acildo Gama ainda no vídeo disse que no dia seguinte, um dos agentes de saúde de Inhapi relatou que as cercanias de sua residência , apareceu um sagui com os olhos vermelhos e todo arrepiado. No outro dia, o animal foi encontrado morto. “Quando a gente foi verificar, o corpo do animal havia sido destruído pelos urubus, ficando somente a cabeça” , disse a época Acildo Gama e que diante do ocorrido os restos do animal foram enterrados.



Sobre as mortes de Saguis em Maceió e Inhapi - Epizootia por Febre Amarela ?!  -  Rating: 7 out of 10

Comentários